sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Um ônibus espacial em papercraft


A formação continuada de professores e a utilização de espaços não formais para complementar o ensino-aprendizagem dos conteúdos de Astronomia/Astronáutica são caminhos a serem seguidos para estimular o interesse por questões relacionadas a esses temas. O envolvimento da comunidade escolar com a Olimpíada de Astronomia – OBA é uma ótima sugestão, assim como as atividades práticas propostas pela mesma.

A realização de oficinas pode ser o ponto de partida para discussão de diversos temas. Um exemplo seria a confecção de modelos em papel de um ônibus espacial.

Os ônibus espaciais estiveram em atividade por 30 anos (1981 – 2011) e eram constituídos por 3 elementos básicos : a nave, um grande reservatório para hidrogênio e oxigênio e 2 propulsores auxiliares chamados de Solid Rocket Booster.

 
Foram construídas cinco naves operantes deste tipo, chamadas Columbia, Challenger, Discovery, Atlantis e Endeavour, que cumpriram diversas missões no espaço. 


Só o Endeavour completou 25 missões, que, entre outras tarefas, ajudaram a construir a Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês). Ele substituiu o ônibus Challenger, que explodiu logo após o lançamento, em 28 de janeiro de 1986, e deixou sete astronautas mortos.

Lançado pela primeira vez em 1992, o Endeavour teve a última missão em 2011, levando ao espaço um experimento de dois bilhões de dólares financiados por 16 países da América do Norte, Europa e Ásia: o Espectrômetro Magnético-Alfa, para determinar a existência da matéria escura.

A era dos Ônibus espaciais pode ter chagado ao fim, mas o seu legado não. Abaixo, um modelo do Endeavour em papercraft, em material didático produzido pela NASA,  que pode ser usado para oficinas de Astronomia e Astronáutica nas escolas ou mesmo para colecionar.

Para começar, é bom ter a disposição cola, tesoura, estiletes, régua, fita adesiva e fita dupla-face, além de papel cartão. Uma base de corte protegerá sua mesa de trabalho e um verniz para papel vai aumentar a durabilidade do sua obra (após sua montagem).




Um comentário:

Raphael Mcqueen disse...

mas como fica a parte da frente ?