sábado, 13 de abril de 2013

Determinando os Pontos Cardeais



Existem diversas formas de orientação, uma delas é a dos Pontos Cardeais. Pontos Cardeais correspondem aos pontos básicos para determinar as direções e são concebidos a partir da posição na qual o Sol se encontra durante o dia. Os quatro pontos são: Norte (sigla N), denominado também de setentrional ou boreal; Sul (S), chamado igualmente de meridional ou austral; Oeste (O ou W), conhecido também como ocidente; e Leste (E), intitulado de oriente.

O experimento abaixo foi cadastrado pelo Grupo de Física UERJ do DEQ em 21/12/2009, e mostra como é possível determinar os Pontos Cardeais de forma simples.

Materiais necessários

Barbante
Giz ou Carvão
1- Chapéu de aniversário
1- lápis
Tesoura

Instruções

Por volta das 10h30min da manhã fique em pé de costas para o sol com o chapéu na cabeça, de modo que ele fique no centro de sua cabeça. O chapéu serve para que sua sombra tenha um ponto certo para riscar no chão. Com o giz ou carvão, faça o contorno dos seus pés, pois à tarde você precisará saber onde estava parado na parte da manhã.

Sombra da manhã e contorno dos pés
Dica: Pode-se fazer um chapéu usando folha de jornal.

Com o barbante, o lápis e o carvão, improvisaremos um compasso para traçar o círculo. Recortamos um pedaço de barbante com o dobro do comprimento da sua sombra com o chapéu. Unimos as duas extremidades do barbante e fizemos um nó de modo que o barbante fique do tamanho da sombra. Colocamos o lápis no centro, entre o contorno de seus pés. O lápis precisa ficar na vertical e imóvel. Esticamos o barbante e com o carvão, também na vertical, riscamos o círculo no chão.

Traçando o círculo/ círculo traçado
Sombra da tarde
À tarde fique de pé exatamente no mesmo local até que a sombra fique do mesmo tamanho, ou seja, toque o círculo desenhado.

A linha NORTE-SUL é a bissetriz do ângulo formado pelas sombras da parte da manhã e da tarde. Como no passo 2 vamos improvisar um compasso.Recortamos um pedaço de barbante com o dobro do comprimento da distância da sombra da manhã e da sombra da tarde .Unimos as duas extremidades do barbante e demos um nó de modo que o barbante fique do tamanho das distâncias das sombras.



As imagens acima mostram  o lápis em cima da sombra da tarde e o carvão na sombra da manhã para começar a traçar os arcos. Os arcos são traçados, então só faltará riscar a reta que será a bissetriz e a linha NORTE-SUL.


Colocamos o lápis em cima da sombra da tarde e o carvão na sombra da manhã. Traçamos um arco fora do círculo para a esquerda e para a direita. Agora colocamos o lápis em cima da sombra da manhã e o carvão na sombra da tarde e fazemos outro arco para a direita e outro para a esquerda. Como mostra a foto abaixo. Assim, achamos a bissetriz do ângulo.

Riscamos no chão a bissetriz, com isso conseguimos localizar a linha NORTE-SUL. Para determinarmos a linha LESTE - OESTE, traçaremos uma reta perpendicular à bissetriz.

Note nesta última  foto  que a linha rosa é perpendicular a linha NORTE-SUl, portanto esta é a direção LESTE-OESTE. 

Fonte: Ponto Ciência

6 comentários:

Carol UERJ disse...

Olá! Achei a ideia muito legal, pois é uma forma de fazer o aluno se interessar em sala de aula, principalmente os alunos das primeiras series fundamentais. Geralmente só se tem aulas teóricas, que muitas vezes não os estimula a aprender mais. E levando-os para fora da sala de aula, eles poderão então interagir com a matéria de uma forma que desperte o interesse e também os leve a querer praticar o ensinamento a eles oferecido. Muito legal mesmo!

Alexandre Gangorra disse...

Olá, Carol!

Obrigado pela visita.
Seja sempre bem vinda!

beatriz andrade disse...

Interessante e legal!!! O blog contribuiu, significantemente, para minhas aulas. Essa difusão de experiência é que torna possível o enriquecimento das aulas para um aprendizado de qualidade...o aluno é o beneficiado!!! Parabéns pelo trabalho e divulgação!!!!

Alexandre Gangorra disse...

Beatriz, fico muito lisonjeado com seu depoimento!

Apesar de ser complicado conciliar trabalho com a manutenção do blog e de sentir falta de apoio e reconhecimento por parte de instituições educacionais ou científicas, é extremamente gratificante receber comentários positivos de profissionais do conhecimento como você!

Muito obrigado e seja sempre bem vinda!

jorgi@nny disse...

muito bom vou tentar fazer ....Obrigada pela boa ideia.

jorgi@nny disse...

muito bom vou fazer em casa primeiro...Muito obrigada por compartilhar sua ideia com a gente.